Contacte-nos (+351) 217 828 101EN|PT

Blog YouLead - Inbound Marketing

Dicas para duplicar a geração de leads - Parte II

29/nov/2016 14:59:37 por Mariana Madeira

Dicas para duplicar a geração de leads Parte II

 Na semana passada publicámos este artigo sobre como duplicar a geração de leads (Parte I). Hoje trazemos até si a parte II, na qual partilhamos algumas dicas sobre como aproveitar conteúdos educativos, landing pages, iniciativas de co-marketing e retargeting para lead generation.

 

Dicas para gerar leads com conteúdo educativo

Os conteúdos educativos premium (como ebooks, whitepapers, infografias, relatórios, vídeos...) são uma excelente forma de gerar novos contactos e ainda existem muitas empresas que não estão tirar partido destas ofertas. Implemente estas duas dicas e comece a gerar mais contactos ainda hoje:

1. Diversifique os formatos

Na YouLead, as ofertas que geram mais contactos são os nossos webinares (seja informado sempre que lançarmos um novo evento) mas é algo que pode variar de acordo com o tipo de ofertas que tem. Por isso, até perceber o que resulta melhor, o ideal é criar várias ofertas em formatos diversos.

Posteriomente poderá transformar os conteúdos que já tem num outro formato. Por exemplo, tem um ebook com um tema interessante que poderia transformar num webinar?

O essencial é descobrir que tipo de formato de conteúdo a sua audiência prefere consumir e criar conteúdos que estejam alinhados com isso.

2. A ciência de escolher um título eficaz

O título da sua oferta é um dos componentes que pode ajudar (ou prejudicar) a taxa de conversão. Falamos várias vezes nas buyer personas, e mais uma vez, o título dos seus conteúdos deve refletir as necessidades, desafios e objetivos das mesmas. Caso contrário não se sentirão interessadas pela sua oferta, por muito bom que seja o seu conteúdo.

Experimente fazer testes A/B para avaliar a verdadeira influência e impacto de um simples título.

3. Otimizar ofertas existentes

Se na sua empresa já têm alguns conteúdos educativos a ser promovidos no website então já está um passo à frente da maioria e deverá utilizar isso como uma vantagem competitiva.

Otimizar ofertas existentes deverá ser a sua prioridade. Eis o que pode fazer:

- Identificar ofertas que podem ficar melhor posicionadas nos motores de busca. Estas são geralmente ofertas centradas em keywords com potencial mas a oferta em si não está bem posicionada nas pesquisas orgânicas. Para contornar esta questão poderá identificar artigos do blog com muitas visitas e, quando apropriado, colocar um link para a oferta que pretende promover.

- Se tem um elevado número de artigos de blog sobre um determinado tópico, procure aqueles que tenham adquirido um elevado número de links externos, pois esses têm mais autoridade junto dos motores de busca.  

Dicas para gerar leads com landing pages

As landing pages são, por norma, concebidas para gerar mais leads, mas isso não significa que não tenha de testar, analisar e otimizar as mesmas com regularidade. Se não está satisfeito com as taxas de conversão das suas páginas, experimente estas dicas:

1. Progressive-profiling

Ninguém gosta de preencher um número infindável de campos só para ter acesso a um ebook. É aqui que o progressive profiling entra. Com esta forma inteligente de recolha de dados, poderá completar as fichas dos seus clientes de uma forma progressiva sem prejudicar as suas taxas de conversão. Contudo, tenha sempre em conta que deverá pedir o número de campos necessários para as suas campanhas de marketing, adequando, ao mesmo tempo, ao tipo de oferta que está a promover (Ex: Se oferecer uma viagem a Paris para 2 pessoas com tudo pago, poderá pedir muito mais informação do que se estiver a oferecer um ebook).

2. Mobile-friendly

Tornar as landing pages responsivas vai fazer com que os visitantes naveguem de forma mais simples (e durante mais tempo) pela sua página, encontrando facilmente o botão de ação para se converterem.

3. Testar, analisar, modificar...

Já falámos da importância dos títulos nas ofertas, e agora é a vez de relembrar a importância do design e copy dos call to actions (CTAs) . Sem testar, nunca saberá se um botão de ação azul funcionará melhor que um laranja, ou se “download ebook” aumenta as conversões comparativamente com “Comece já a gerar leads com este ebook”. É importante salientar que apenas deve testar um elemento de cada vez para que possa atribuir as alterações na sua taxa de conversão a um elemento ou alteração específica.

4. Incluir personalização

Utilizar personalização nas suas landing pages é outra dica que pode implementar para fazer crescer a sua taxa de conversão. Quanto mais informação tiver dos seus contactos mais poderá personalizar. Contudo, o nome, a empresa, website, e outras informações genéricas podem ser um bom ponto de partida. Teste e analise os resultados.

Como gerar leads com iniciativas de

Co-Marketing

Co-marketing é uma forma das marcas e empresas trabalharem em conjunto numa campanha, como por exemplo uma oferta de conteúdo, com benefícios para ambas as partes. Por norma, isto acontece quando queremos atingir uma nova audiência, quando necessitamos de conhecimento mais especializado ou para potenciar a promoção de uma determinada campanha.

O parceiro que escolher deverá complementar o seu negócio e oferecer valor adicional à sua audiência. 

1. Determinar objetivos e expetativas

É importante que todos estejam alinhados relativamente aos objetivos da colaboração e qual o resultado final ideal. Os objetivos deverão ser S.M.A.R.T e estarem bem presentes para que possam posteriormente medir o sucesso da colaboração. O mesmo se aplica às expetativas. É absolutamente essencial definir o que é esperado de cada parte e de que forma cada uma irá contribuir para o projeto. Por exemplo: Se o seu parceiro é excelente na promoção de conteúdos e a direcionar tráfego, e a sua empresa é especialista na criação de conteúdos, então faz sentido que fique encarregue do copywriting.

Note que este tipo de projetos pode levar mais tempo do que um projeto semelhante que não envolva quaisquer parceiros devido ao tempo necessário para comunicação e alinhamento do plano de ação entre as duas partes.

 

Dicas para gerar mais leads com ações de retargeting

São poucos os visitantes (cerca de 2%) que se convertem no seu website numa primeira visita. O que significa que restam 98% precisam de algum incentivo para completar uma compra ou converterem-se com um conteúdo educativo. É nestes últimos que o retargeting pode ser muito eficaz.

1. Potenciais clientes

Se tem uma lista de contactos que não estão a abrir os seus emails, pode ser eficaz fazer retargeting utilizando o Facebook Ads. Por vezes, estes contactos têm interesse na sua empresa mas não abrem os seus emails porque os mesmos estão a ir para o SPAM ou ficam no separador de promoções no Gmail.

2. Ofertas de conteúdo

Os anúncios de retargeting não têm de servir apenas para vender um produto ou potenciar uma reserva online, podem também ser utilizados para promover conteúdos. Poderá começar por todas as pessoas que visitaram uma determinada página no seu website mas não se converteram. Outra alternativa será segmentar todos os contactos que leram um dos seus artigos do blog mas nunca mais voltaram ao seu website.

3. Agradeça aos seus clientes

Principalmente em negócios de e-commerce pode ser extremamente eficaz enviar um email a agradecer a compra, juntamente como uma “oferta especial” para potenciar conversões.

Outra opção é fazer o mesmo para todas as pessoas que gostaram ou começaram a seguir a sua página, de Facebook ou Linkedin, recentemente. Ao enviar um link para um conteúdo educativo inédito, juntamente com uma mensagem de agradecimento, é mais provável que consiga converter e gerar leads, em vez de enviar uma oferta sem qualquer contexto.

 

Saiba Como Implementar uma Estratégia de Inbound Marketing de Sucesso: 

Como Qualificar e Priorizar as suas leads

Tópicos: Dicas práticas, automação

Mariana Madeira

Publicado por: Mariana Madeira

Inbound Marketer na YouLead.

Deixe aqui o seu comentário: